PF investiga fraude de R$ 180 milhões dos Correios

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quinta-feira a Operação Positus, que apura fraudes na gestão de recursos do Postalis, o fundo de pensão dos Correios. As fraudes podem ter causado prejuízo de R$ 180 milhões ao fundo.

O principal alvo da operação é Fabrizio Neves, ex-gestor da Atlântica Administração de Recursos, apurou o Valor PRO, serviço de informação em tempo real do Valor. A Justiça Federal de São Paulo pediu sua prisão preventiva.

Neves é o responsável por operações financeiras suspeitas e que estão sob investigação da PF hoje, como a relacionada ao Fundo de Investimento de Dívida Externa (Fidex) Sovereign II, segundo uma fonte. Leia Mais no Valor pro*

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *