Ex-Bozo revela que virou palhaço após sofrer assédio sexual na Globo

Um dos mais carismáticos intérpretes do palhaço Bozo nos anos 1980, Arlindo Barreto quase viu sua vida ser destruída pela cocaína. Após vários tratamentos, largou o vício ao virar evangélico. Aos 62 anos, ele conta que só virou palhaço do SBT após sofrer assédio sexual de um diretor da Globo. “Esse diretor global, que já morreu, queria que eu transasse com ele em troca de um papel. Nada contra, mas não sou gay. Eu o xinguei, o acusei de usar seu cargo para manipular as pessoas e ele me disse que eu nunca mais entraria na Globo. Ali, prometi que bateria na audiência da emissora um dia. Cinco anos depois, eu virei o Bozo e batia a audiência da Globo”, relembra ela ao Notícias da TV.

Ele ainda quer voltar a trabalhar na TV: “Quem sabe não me chamam para fazer algo na TV. Poderia fazer uma novela bíblica tranquilamente. Aliás, faria qualquer papel. Menos de gay. Sou pastor. Respeito, mas acredito apenas na relação homem e mulher como Deus ensina”, finaliza.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

One Response to Ex-Bozo revela que virou palhaço após sofrer assédio sexual na Globo

  1. Ja naprawdę nagrodę twoją pracę, Świetny post test na koronowirusa Błyskawiczny test płytkowy na covid 19.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *