WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

 




(71) 98769-3230

julho 2020
D S T Q Q S S
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

Governo entrega ponte e trecho de rodovia em Maragogipe

Foto: Paula Fróes/GOVBA

O governador Rui Costa entregou nesta terça-feira (14) a ponte sobre o Rio Baetantã, além de acessos à BR-420 e ao Estaleiro do Paraguaçu. O gestor esteve no distrito de São Roque do Paraguaçu. Segundo o governador, o equipamento de 525 metros faz a ligação entre diversos municípios da região. “Esta é uma obra grande que se junta a outras diversas obras realizadas nesta região pelo Governo do Estado e que somam um investimento de mais de R$ 100 milhões. O objetivo é reforçar toda essa infraestrutura, no sentido da logística, para esta baía, que tem um potencial enorme de geração de emprego. Poucos lugares do mundo têm essa condição geográfica que possibilita que empresas venham se instalar para a construção de plataformas e de navios. É uma região que tem muito potencial e estamos investindo nisso”, disse Rui.

 

Ao todo foram gastos mais de R$ 53 milhões na construção da ponte que deve beneficiar diretamente 155 mil pessoas que vivem em Maragogipe, Nazaré, Salinas das Margaridas, Vera Cruz, Itaparica e as localidades de São Roque do Paraguaçu, Cairu e Enseada.  Além da ponte, Rui Costa deu por entregue a obra da rodovia BR-420, referente ao trecho de 34 quilômetros que liga São Roque a Maragogipe.

 

Conforme o governo, a obra, de R$ 15 milhões, vai beneficiar 115 mil moradores da região. São Felix, Maragogipe, Cachoeira, Conceição da Feira e Governador Mangabeira são os municípios diretamente beneficiados pela obra da rodovia.  Rui ainda participou da entrega da Creche Municipal Germana Inês Mancione e visitou as obras da Escola Municipal, em fase de finalização.

Na véspera da entrega de kits de alimentação, escola em Uauá tem material furtado

Foto: Reprodução/TV Bahia

Uma escola pública de tempo integral foi invadida e roubada na cidade de Uauá, no norte da Bahia, na madrugada de segunda-feira (13). Até esta terça-feira (14), ninguém havia sido preso. O suspeito levou parte de kits de alimentação que seriam distribuídos para a família dos alunos.

De acordo com a delegacia da cidade, o suspeito entrou pelo telhado e teve acesso a uma sala de aula. Além dos kits, um monitor de computador também foi roubado.

O crime foi descoberto quando funcionários da escola chegaram para trabalhar na arrumação e distribuição do material. Os funcionários identificaram, ainda, que o suspeito tentou levar uma impressora, mas não conseguiu.

O caso foi registrado na delegacia da cidade. A suspeita é de que o crime tenha sido cometido por uma adolescente de 16 anos. A Secretaria Municipal de Educação de Uauá informou que o prejuízo foi de cerca de R$ 500.

Via o G1/Bahia, A escola atende crianças do maternal ao 5º ano. No total, 97 kits seriam entregues na segunda-feira (13), mas a entrega foi reprogramada para a quarta (15), por causa do furto. O caso é investigado na delegacia da cidade.

Prefeitura de Santo Antônio de Jesus prorroga Toque de Recolher

A Prefeitura de Santo Antônio de Jesus, Recôncavo Baiano, prorrogou por mais 15 dias o toque de recolher. A locomoção e permanência em vias públicas está proibida das 20h às 5h. A medida foi publicada em Diário Oficial desta segunda-feira, dia 13.

Durante o toque de recolher só podem circular na cidade profissionais de saúde e segurança pública; deslocamento para ida ao trabalho ou retorno ao domicílio, deslocamento para serviços de saúde; farmácias ou situações em que fique comprovada a urgência; deliveries de alimentação e medicamentos.

A medida, que está em vigor desde 28 de maio, tem como objetivo ajudar a frear o aumento dos casos de Covid-19 (novo coronavírus) na cidade.

Governo amplia prazo para suspensão de contratos de trabalho e redução da jornada

(Agência Brasil)

O governo federal editou o decreto que amplia o prazo do programa que permite a redução de jornada e de salário e a suspensão de contratos de trabalho. Com a mudança, fica permitida a redução por mais 30 dias, completando quatro meses do anúncio da medida, publicada por conta da pandemia do novo coronavírus.

A medida provisória inicial, que foi sancionada no último dia 6 e transformada em lei, previa a suspensão dos contratos de trabalho por até dois meses e a redução da jornada e de salários em até 70% por até três meses.

A suspensão do contrato de trabalho pode ser feita de forma fracionada, em períodos sucessivos ou intercalados, desde que esses períodos sejam iguais ou superiores a 10 dias e que não seja excedido o prazo de 120 dias.

O empregado com contrato de trabalho intermitente terá direito ao valor de R$ 600 também pelo período adicional de um mês, contado da data de encerramento do período de três meses.

Chamado de ‘Programa Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda’, a medida prevê que o trabalhador permanecerá empregado durante o tempo de vigência dos acordos e pelo mesmo período depois que o acordo acabar. Segundo o Ministério da Economia, mais de 12 milhões de contratos já foram assinados desde a implantação da medida.

Prefeitura de Castro Alves prorroga toque de recolher até 5h de segunda-feira (20)

Fotos: Leandro Alves / Bahia10

A Prefeitura de Castro Alves, Recôncavo Baiano, informa a prorrogação do toque de recolher em todo território do município entre as 18h e 5h durante os próximos seis dias. A medida estende-se até as 5h da manhã da próxima segunda-feira, 20 de julho. Nos próximos dias segue suspensa a circulação e permanência de pessoas, inclusive com utilização de veículos, nas praças públicas municipais, ruas e avenidas, com o objetivo de reduzir contatos e aglomerações. Também segue proibido realizar reuniões, festas e eventos de qualquer porte e a prática de atividades físicas em via pública.

Após avaliar os dois primeiros dias da adoção do toque de recolher na cidade, e o comportamento da população, a gestão municipal optou por prorrogar a medida, para que as pessoas mantenham o isolamento social por mais tempo. Os casos crescentes de contaminação por Coronavírus na cidade apontam a necessidade da extensão da medida. Em dois dias, 19 pessoas foram autuadas, dois bares foram multados e fechados, duas motos foram apreendidas e nove pessoas foram reconduzidas as suas casas em um ônibus da prefeitura.

O descumprimento do decreto municipal pode implicar em multa de R$ 100 a R$10 mil, interdição temporária de estabelecimentos, cassação de licença de funcionamento, remoção compulsória de pessoas, entre outras. A Polícia Militar, através do Pelotão de Emprego Tático Operacional (PETO), da Companhia Independente de Policiamento Especializado (CIPE Litoral Norte) e do 5º Pelotão da 27ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), apoia e reforça o policiamento nas ruas da cidade.



WebtivaHOSTING // webtiva.com.br . Webdesign da Bahia