WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

 



(71) 98769-3230

julho 2020
D S T Q Q S S
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

:: ‘Geral’

Caixa cadastrou 10 milhões de benefícios emergenciais em seis horas

Foto: Leandro Alves /Bahia10.com.br

Em seis horas de funcionamento, a Caixa Econômica Federal finalizou o cadastro de 10 milhões de benefícios da renda básica emergencial, disse há pouco o presidente do banco, Pedro Guimarães. Segundo ele, ao considerar os eventuais pedidos rejeitados de quem não tem direito ao benefício, a expectativa é terminar o dia com 15 milhões a 20 milhões de trabalhadores cadastrados que começarão a receber o auxílio até o dia 14.

Das 9h às 15h, as ferramentas de cadastramento da Caixa tinham enviado 15 milhões de SMS a trabalhadores que requereram o benefício. As mensagens pelo celular avisam se o trabalhador preenche os requisitos para ter direito ao auxílio de R$ 600 ou de R$ 1,2 mil para mães solteiras.

Segundo Guimarães, a página de cadastramento da Caixa tinha recebido 31 milhões de visitas individuais nas seis primeiras horas da inscrição. A loja do sistema operacional Android tinha registrado 6 milhões de downloads do aplicativo. A linha telefônica 111, disponível para prestar informações e tirar dúvidas, recebeu 330 mil ligações no mesmo período.

Segundo Guimarães, o site da Caixa chegou a cair por três minutos e tem enfrentado momentos de lentidão ao longo do dia. Ele pediu paciência aos trabalhadores e recomendou que eles não desistam do cadastramento.

“A gente conseguiu dar vazão ao investimento muito grande de todos. Peço desculpas se estiver lento. Porque hoje será, sem dúvidas, o dia de maior intensidade”, declarou. Segundo o presidente da Caixa, a expectativa é encerrar a semana com o cadastramento de 60% a 80% dos trabalhadores que tenham direito à renda básica emergencial.

Segundo o presidente do Dataprev, Gustavo Canuto, o governo empreendeu um grande esforço nas últimas semanas para levantar um programa de ajuda emergencial para amenizar os efeitos da crise econômica gerada pela pandemia de coronavírus. “Há um longo caminho entre o que está previsto no dispositivo legal até chegar à linha de código. Esta é uma operação, talvez a maior que tenha sido feita em tão pouco tempo e com uma monta de recursos tão alta, R$ 98 bilhões” declarou.

Castro Alves: Prefeitura altera decreto sobre funcionamento de bares durante feriado de Semana Santa

Foto: Leandro Alves / Bahia10.com.br

Para inibir aglomerações, movimentação em praças e ruas da cidade, a Prefeitura de Castro Alves, Recôncavo Baiano, publicou novo decreto que determina o fechamento de bares e proíbe som mecânico em vias públicas a partir das 16 horas da quinta-feira (9) até às 8 horas da segunda-feira (13). Devido ao feriado de Semana Santa a medida foi endurecida e antecipada, para que as determinações anteriores sejam cumpridas, diminuindo a possibilidade de disseminação do novo Coronavírus.

A população deve respeitar o decreto que veta aglomerações tanto na sede como na zona rural. A conscientização neste momento é fundamental para que as medidas preventivas continuem dado certo.

Fiscalização

É importante ressaltar que a prefeitura, através de equipes especializadas, está realizando a fiscalização e em caso de encontrar bares em funcionamento ou eventos em andamento irá autuar os responsáveis.

Em nota Ascom da Prefeitura informou que medidas civis e penais poderão ser adotadas. Um estabelecimento, na localidade do Salgado, foi interditado devido ao descumprimento do decreto.

Especialistas preveem adiamento das eleições como reflexo da pandemia

Foto: Agência Brasil

A pandemia do novo coronavírus e a incerteza em relação ao tempo que o Brasil levará para se livrar do vírus devem afetar afetar os prazos e o calendário eleitoral, é o que preveem o cientista político e professor adjunto da da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab), Claudio André de Souza, e o advogado especializado em Direito Eleitoral, Ademir Ismerim.

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e futuro presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso, que deve tomar posse em Maio, afirmou, na noite da última segunda-feira, 6, durante entrevista ao colunista Josias de Souza, ao UOL, que o mês de junho deve ser a data máxima para o TSE tomar uma decisão em relação ao adiamento das eleições.

Ele ressaltou que a prorrogação, se ocorrer, deva ser pelo tempo “mínimo inevitável”, sinalizando posição favorável a um adiamento dentro do mesmo ano. Barroso é contra a prorrogação dos mandatos via cancelamento das eleições. “Sou radicalmente contra é o cancelamento das eleições e essa proposta de fazê-las todas coincidir em 2022”, afirmou o futuro presidente do TSE ao colunista do UOL.

Para o cientista político Claudio André, o adiamento das eleições é a decisão mais sensata, já que com ela será possível “esperar a diminuição do contágio”. Ele afirma que a decisão do TSE de manter o calendário é para “não gerar uma decisão agora que terá que ser reformada lá na frente”. Ele pondera que os próximos meses servirão de base para uma decisão em relação ao adiamento: “Os meses de junho e julho irão mostrar o real cenário da pandemia, se estaremos carregando corpos com carros do exército ou voltando a normalidade”. Leia mais no Atarde Online

Madre de Deus implanta barreiras sanitárias em entrada e saída da cidade

Foto: Igor Thomas/Divulgação/Prefeitura

Apesar de não ter nenhum caso confirmado da Covid-19, a cidade Madre de Deus deu início às barreiras sanitárias nos dois únicos acessos ao município nesta terça-feira (7). Funcionários da prefeitura fazem aferição de temperatura de quem passa na entrada da região e no terminal marítimo.

A medida se faz necessária devido a aproximação do município – que atualmente tem uma população estimada acima de 21 mil habitantes – a outras cidades com casos já confirmados do coronavírus, como São Francisco do Conde, Candeias e Salvador. A Bahia já registrou 11 mortes provocadas pela doença. Até esta segunda-feira (6), o estado tinha 436 casos confirmados de infecção.

As pessoas que tiverem a temperatura acima de 37.8° são encaminhadas para unidade de saúde para uma triagem. No atendimento médico é feita uma investigação epidemiológica. “Sendo um caso suspeito, através de avaliação clínica do médico e pela investigação epidemiológica, a gente faz a classificação de risco desse paciente. Conforme orientação do Ministério (da Saúde), se for sintomas leves, o paciente vai para o isolamento domiciliar e a gente monitora. Se for algum paciente com sinais graves, a gente vai manter em unidade hospitalar para internamento”, explicou a secretária de saúde do município Naiara Cardoso.

(Foto: Igor Thomas/Divulgação/Prefeitura de Madre de Deus)

O hospital municipal foi divido em duas alas: uma para os casos mais graves da doença e outras ocorrências que não estejam relacionadas ao coronavírus. “Nos casos suspeitos, é feita a coleta de amostras do paciente e encaminhada para o Lacen (Laboratório Central de Saúde Pública)”, disse Naiara.

Madre de Deus registrou cinco casos suspeitos da Covid-19 – três deram negativo e dois ainda estão em análise no Lacen. “Todas as situações apresentaram sintomas leves. Os dois casos que ainda não saíram os resultados são de pessoas que residem em Salvador, mas foram atendidas aqui”, disse Naiara.

As barreiras sanitárias são compostas por agentes da prefeitura que tem como objetivo de aferir a temperatura diária de cerca de 200 pessoas. “A cidade está cumprindo as medidas de isolamento, mas algumas pessoas precisam sair por desempenharem atividades essências e uma boa parte trabalha em outras cidades”, declarou Naiara.

Esses agentes fazem também a desinfecção dos veículos. “Esse procedimento já vem sendo feito em locais públicos da cidade, como pontos de ônibus, terminal marítimo, frente de marcados e bancos, e agora está sendo realizados na parte externa dos carros”, declarou a secretária de saúde da cidade.

Outras medidas
A Prefeitura de Madre de Deus vem adotando outras medidas de combate ao coronavírus, a exemplo da ampliação do número de famílias que têm a concessão de valores mensais entre R$ 200,00 e R$ 250,00.  O programa alcançava 820 famílias e agora atende a 878.

Os trabalhadores informais receberão um auxílio de R$ 400 – benefício vai abranger ambulantes cadastrados e com atividades permanentes; barraqueiros do Complexo de Barracas de Praia e permissionários que exploram comercialmente a areia da praia  (excetuado se o mesmo for funcionário público de qualquer esfera ou já beneficiário de programa social municipal ou federal). A prefeitura ainda está distribuindo cestas básicas para os pais que têm os filhos matriculados nas escolas públicas da cidade.

Fonte: Correio24hrs*

INSS define regras para antecipar pagamento de auxílio-doença

O auxílio-doença pago pelo INSS vai poder ser antecipado com a apresentação de atestados médicos, sem a necessidade de perícia. A medida busca garantir o recebimento do valor durante a pandemia da Covid-19.

A medida facilitada terá validade enquanto estiver em vigor o expediente reduzido nas agências do INSS. O atestado médico deverá ser anexado junto com o pedido eletrônico. De qualquer forma, todos os atestados deverão passar, antes da liberação do dinheiro, por uma análise prévia do INSS, segundo informação da newsletter Real Oficial.

A portaria publicada nesta terça-feira (7), não definiu quanto tempo poderá demorar para que cada pedido seja liberado mesmo com a eliminação temporária das perícias. A medida da antecipação do pagamento do auxílio já estava definida na mesma lei que permitiu o pagamento emergencial de R$ 600 mensais para autônomos. Hoje houve somente a regulamentação desse ponto.



WebtivaHOSTING // webtiva.com.br . Webdesign da Bahia