WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

 



(71) 98769-3230

outubro 2020
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

:: ‘Destaque4’

Gusttavo Lima faz apelo a volta de shows no Brasil; “o setor pede socorro”

Foto: Reprodução

O sertanejo Gusttavo Lima utilizou as redes sociais na noite de sexta-feira (4/9) para pedir que o governo libere os shows durante a pandemia. Os eventos foram cancelados por conta das regras de distanciamento social da Organização Mundial de Saúde (OMS)

O cantor repostou uma publicação de Marcos Mioto, pai do também sertanejo Marcos Mioto, falando sobre as aglomerações causadas pelos shows e comparando com os engarrafamentos e saídas para lazer. Gusttavo Lima concordou e fez um comentário sobre o cenário econômico, dizendo que “o setor de entretenimento pede socorro”.

“Nosso segmento não pode mais ficar parado … São tantas famílias que dependem disso para ter o que comer em casa. Músicos, técnicos, cantores, seguranças, garçons”, enumerou.

Para o marido de Andressa Suita, é possível fazer com que as apresentações voltem a acontecer de maneira segura. “Somos capazes de tomar todas as providências cabíveis, para que os eventos voltem com toda segurança social e conforto para o nosso público”, prometeu.

Outros cantores sertanejos, como Cesar Menoti, da dupla com Fabiano, e Thiago Brava concordaram com “o embaixador”. Algumas outras pessoas, entretanto, chamaram a atenção do cantor para as normas que não estão sendo cumpridas em bares e podem ser ignoradas caso os shows retornem.

Ambulância de Conceição do Almeida se envolve em acidente na BR 101

Foto Reprodução

Uma Ambulância de suporte básico que pertencente ao município de Conceição do Almeida, Recôncavo baiano, Se envolveu em um acidente com outro veículo na BR 101.

A ambulância foi atingida por outro veículo, perdendo o controle e saindo da pista na tarde desta última sexta-feira, (04). Na Ambulância estava o condutor e o socorrista, que sofreram ferimentos leves e passam bem. No outro veículo havia apenas o motorista que sofreu ferimentos leves.

Cinco municípios baianos vão perder receita do FPM em 2021

(Reprodução/ Facebook)

Estudo técnico da Confederação Nacional dos Municípios (CNM) aponta que 17 municípios brasileiros vão perder receita do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) com base nos números divulgados pelo IBGE sobre a estimativa da população em 2019.

A pesquisa aponta que na Bahia cinco municípios perdem coeficiente, 11 ganham, e 31 deles, embora com mudança no total de habitantes, permanecem como antes porque a diferença é menor de 500 habitantes entre 2018 e 2019. Tapiramutá está entre os que registraram queda do coeficiente de 1,2 para 1,0, além de ter redução de recursos de outras verbas, que são repassadas com base no número de habitantes de cada lugar. O município é o único da Bahia que figura entre nove cidades do Brasil com diferença de até 20 habitantes entre a estimativa de 2018 e 2019 do IBGE.

De acordo com o controlador interno da prefeitura de Tapiramutá, Washington Ribeiro, o departamento jurídico municipal está organizando a documentação para pedir a retificação dos números. “Nós já fizemos isso antes, no Censo 2010, quando também apontaram que tínhamos redução de habitantes e conseguimos provar, através de uma mobilização documental, que até povoados inteiros haviam sido contabilizados para municípios vizinhos”, disse Ribeiro.

O prazo para os municípios contestarem os números termina dia 16 de setembro, alertou o consultor da CNM, Eduardo Stranz, salientando que os dados apresentados em agosto pelo IBGE são cálculos sobre estimativas e que a confederação tem protestado pela falta de um censo geral por parte do instituto. “Existe uma lei federal sobre o Plano Nacional de Estatística, que obriga a realização do Censo a cada 10 anos, com a contagem geral da população”, afirmou Stranz, destacando que, como a contagem não aconteceu como prevê a lei, a CNM mobilizou lideranças políticas que aprovaram a Lei 165/2019, congelando os coeficientes até a realização do próximo Censo.

Ganham coeficiente

Entre os municípios baianos que ganham coeficiente, de acordo com o estudo da CNM, Amargosa passa de 1,6 para 1,8. Entretanto, conforme o prefeito Júlio Pinheiro, este número já estava valendo por medida judicial. “Em 2018 tínhamos 1,80 e por conta da redução na estimativa de população por mudanças nos cálculos do IBGE passaríamos para 1,60. Conseguimos comprovar o erro, manter nosso índice”, afirmou salientando que considera “essa metodologia do IBGE equivocada”.

De 155.439 habitantes (agosto 2019) para 156.975 moradores (julho 2020), Barreiras passa do coeficiente 3,8 para 4,0 em 2021. Isso representa na prática um incremento na receita de 3,31%, afirmou o secretário da Fazenda, Celso Luís Lessa.

(Fonte: A Tarde)

Rodrigo Maia segura projeto que libera plantio de maconha no Brasil

Foto: Najara Araújo/Câmara dos Deputados

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ) se comprometeu com os deputados Sóstenes Cavalcante e Bia Kicis a não pautar o projeto que autoriza o plantio de maconha no Brasil sem antes conversar com a bancada conservadora, empenhada em enterrar a propostas. A informação é da coluna de Lauro Jardim, do jornal O Globo.

Caetité: Prefeito terá que devolver mais de R$ 90 mil

Foto: Divulgação/TCM-BA

Durante sessão realizada por meio eletrônico, nesta quarta-feira (02/09), os conselheiros do Tribunal de Contas dos Municípios julgaram procedente o termo de ocorrência formulado contra o prefeito de Caetité, Aldo Ricardo Cardoso Gondim, pelo pagamento de R$91.662,63 em juros e multas, com danos ao erário, decorrentes do atraso no adimplemento de obrigações previdenciárias, no período de janeiro a dezembro de 2019. O relator do processo, conselheiro José Alfredo Rocha Dias, multou o gestor em R$ 3 mil. Além disso, foi imputado o ressarcimento, com recursos pessoais, no valor de R$91.662,63.

Em sua defesa, o gestor não conseguiu descaracterizar as irregularidades. Segundo a relatoria, existem documentos comprobatórios relacionados aos pagamentos de juros e multas, que se encontram nos autos relacionados nos demonstrativos de distribuição de arrecadação do município, inclusive disponíveis para qualquer interessado no portal eletrônico do Banco do Brasil. Cabe recurso da decisão.





WebtivaHOSTING // webtiva.com.br . Webdesign da Bahia