WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

 



(71) 98769-3230

julho 2020
D S T Q Q S S
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

:: ‘Destaque1’

Castro Alves: Acesso a feira livre e comércio está limitado a moradores

Foto: Leandro Alves / Bahia10

A prefeitura de Castro Alves, Recôncavo Baiano, determinou, através do decreto 32/2020, a proibição de visita a feira livre e circulação no comércio local a não residentes no município, neste sábado (11). Esta medida tem por objetivo inibir aglomerações e circulação de pessoas que estão quebrando o isolamento social.

Barreiras sanitárias serão instaladas em pontos estratégicos e apenas moradores, comprovando residência ou preenchendo termo de responsabilidade, terão acesso a Castro Alves. Segundo o prefeito, Thiancle Araújo, o decreto faz-se necessário neste momento. “Pedimos desculpas aos visitantes, mas esta é uma proibição temporária com o objetivo de proteger a todos”, afirmou.

Foto: Leandro Alves / Bahia10

Efeito coronavírus: Castro Alves cancela festa de São João 2020

A prefeitura de Castro Alves, localizada no recôncavo baiano a 190 km da capital, anunciou nesta  quinta-feira (09) que a festa de São João 2020 da cidade está cancelada. A medida foi tomada devido a pandemia do coronavírus.
Além do Arraiá do poeta a comemoração do aniversário da cidade que acontece no dia 26 de junho. Outro evento cancelado foi a Copa do Poeta, competição de futebol que envolve equipes da zona rural do município.
A prefeitura afirma que o cancelamento segue a recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS) e da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab).
Outras cidade também foram canceladas: Sapeaçu, Conceição do Almeida, Amargosa, Cruz das Almas, Santo Antônio de Jesus, Elísio Medrado, Cachoeira, Itaberaba, Senhor do Bonfim, Irecê, Seabra, Miguel Calmon, Euclides da Cunha, Jequié, Piritiba e Ibicuí cancelarão os festejos de São João e São Pedro deste ano em razão da crise do novo coronavírus.

O cancelamento de festas de São João, acarretado pelas restrições do combate à pandemia do novo coronavírus, vai causar impato de 23% nas vendas do varejo, segundo a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (Fecomércio-BA). Os segmentos mais afetados, conforme a entidade, são supermercados e vestuário (roupas, calçados, acessórios, entre outros).

“Embora os valores do comércio varejista do estado da Bahia apontem os meses de junho e julho como relativamente fracos ao longo do ano, as festividades têm uma importância muito grande, principalmente, para cidades do interior”, esclarece Guilherme Dietze, consultor econômico da Federação.

O economista alerta ainda para o impacto negativo no turismo. “As cidades deixarão de receber os turistas. Esses que deixarão de viajar, de se hospedar em pousadas e hotéis, de fazer suas refeições em bares e restaurantes, de comprar o artesanato local, ou seja, de fazer circular a economia, o dinheiro e o emprego, especialmente no interior”, diz.

Itatim: Primeiro caso de novo coronavírus é confirmado

Foto: Bahia10.com.br

O município de Itatim, a cerca de 208 km de Salvador. Registrou o primeiro caso de novo coronavírus. A informação foi divulgada nesta quarta-feira (8), pelo prefeito da cidade Gilmar Nogueira, em entrevista à rádio comunitária Ponta Aguda FM. De acordo com a secretaria de saúde do município, a paciente apresenta sintomas leves como coriza, dor e sensação de mal-estar. Ela está em isolamento domiciliar e é avaliado diariamente por uma equipe de saúde.

Filas e aglomerações em frente às agências bancárias em Castro Alves

Foto: Leandro Alves / Bahia10.com.br

O movimento nos bancos está muito intenso, tem filas sendo geradas na frente das agências e muitas pessoas não estão tomando as devidas precauções por conta da Covid-19 (Novo Coronavírus). O fato foi registrado em Castro Alves, Recôncavo Baiano.

As agências adotaram limite de circulação dentro dos imóveis, porém do lado de fora dezenas de clientes aguardavam pelo atendimento.

As aglomerações se formaram com pessoas próximas umas às outras, o distanciamento social não foi cumprido nas agências da Caixa Economia Federal e Bradesco. No meio da concentração de pessoas, havia gente do grupo de risco, como idosos.

Foto: Leandro Alves / Bahia10.com.br

Castro Alves: Prefeitura altera decreto sobre funcionamento de bares durante feriado de Semana Santa

Foto: Leandro Alves / Bahia10.com.br

Para inibir aglomerações, movimentação em praças e ruas da cidade, a Prefeitura de Castro Alves, Recôncavo Baiano, publicou novo decreto que determina o fechamento de bares e proíbe som mecânico em vias públicas a partir das 16 horas da quinta-feira (9) até às 8 horas da segunda-feira (13). Devido ao feriado de Semana Santa a medida foi endurecida e antecipada, para que as determinações anteriores sejam cumpridas, diminuindo a possibilidade de disseminação do novo Coronavírus.

A população deve respeitar o decreto que veta aglomerações tanto na sede como na zona rural. A conscientização neste momento é fundamental para que as medidas preventivas continuem dado certo.

Fiscalização

É importante ressaltar que a prefeitura, através de equipes especializadas, está realizando a fiscalização e em caso de encontrar bares em funcionamento ou eventos em andamento irá autuar os responsáveis.

Em nota Ascom da Prefeitura informou que medidas civis e penais poderão ser adotadas. Um estabelecimento, na localidade do Salgado, foi interditado devido ao descumprimento do decreto.



WebtivaHOSTING // webtiva.com.br . Webdesign da Bahia