Foto: Divulgação

A devida proteção dos profissionais que atuam diretamente no combate contra o novo coronavírus (COVID-19), permite o melhor resultado contra a transmissão da doença. A Prefeitura do município de Santa Terezinha, investiu na compra de equipamentos individuais de proteção (EPIs), mesmo com o atual desabastecimento de muitos materiais no Brasil.

A Secretaria Municipal de Saúde reforçou o estoque dos equipamentos de proteção para os profissionais que atuam no Hospital Maternidade edite Nogueira Rangel, nas barreiras sanitárias, da limpeza e desinfecção e das Unidades de Saúde da Família (USFs) na zona urbana e rural.

A lista dos EPIs inclui macacão impermeável, máscara cirúrgica, máscara pff2, protetor facial, óculos de proteção, luvas de procedimento, avental descartável, gorro e propé descartável (sapatilhas para os pés).

Cuidar da proteção da equipe é essencial para garantir a qualidade dos atendimentos, bem como evitar a contaminação dos pacientes e dos profissionais. No município, foram notificados três casos confirmados do COVID-19 e dois pacientes já estão curados.

Via o site Itatim News, A transmissão do coronavírus acontece por contato pessoal com secreções contaminadas, como gotículas de saliva, espirro, tosse, catarro, contato pessoal próximo (toque ou aperto de mão) e contato com objetos ou superfícies contaminadas.