WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

 



(71) 98769-3230

Maio 2020
D S T Q Q S S
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

:: 1/Maio/2020 . 23:55

Presidente da Caixa diz que é impossível acabar com filas em agências

Foto: Leandro Alves / Bahia10.com.br

O presidente da Caixa Econômica, Pedro Guimarães, afirmou que o banco até tenta, mas é impossível acabar com as filas nas agências. Cidadãos que têm direito ao auxílio emergencial de R$ 600 se aglomeram para tentar sacar o benefício. Há casos até de pessoas que dormem em frente às agências para tentar atendimento.

“Sabemos que houve nesta semana uma aglomeração grande. Estamos trabalhando para resolver… Resolver, não. Não há nenhuma possibilidade de se pagar R$ milhões de pessoas em três semanas e não existir fila. Isso não existe. Não vou prometer o que é impossível. O que nós faremos é mitigar, reduzir as filas”, disse, em entrevista à Folha de S.Paulo.

Entre as ações para minimizar o problema está a contratação de três mil vigilantes para organizar as filas, e outros dois mil devem começar a trabalhar nesta semana, e de recepcionistas. As agências também passaram a abrir duas horas mais cedo e aos sábados.

O presidente afirmou que no primeiro mês de vigência do auxílio não houve separação dos dias de pagamento a beneficiários do Bolsa Família e outros cadastrados. Mas para este mês deve ser anunciado um novo cronograma de pagamentos para evitar a coincidência de datas. Previstos para o fim de abril, os repasses devem ser iniciados na próxima semana. Até quinta-feira (30), 50 milhões de pessoas receberam o auxílio.

EUA aprovam remédio que recupera pacientes com coronavírus mais rapidamente

Antiviral Remdesivir (Foto: Divulgação / EUA)

A FDA, agência federal norte-americana de controle de alimentos e medicamentos, autorizou o uso emergencial do antiviral Remdesivir em pacientes da covid-19 depois que pesquisadores relataram que o remédio reduziu o tempo de recuperação em pessoas que adoeceram com o novo coronavírus.

A ação da FDA limita o uso do medicamento, produzido pela Gilead Sciences, a apenas durante o período da pandemia, mas os reguladores de saúde podem conceder aprovação total se mais benefícios surgirem de um estudo que está sendo conduzido pelo Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas (NIH, na sigla em inglês).

O NIH disse que uma análise preliminar de seu estudo mostrou que pacientes hospitalizados com covid-19 submetidos a tratamento com Remdesivir tiveram uma recuperação mais rápida do que pacientes em uso de placebo – embora o benefício relatado tenha sido moderado, com pacientes com Remdesivir se recuperando em 11 dias ou quatro dias mais rápido do que o grupo que usou placebo. O Remdesivir, um medicamento antiviral administrado por via intravenosa e previamente testado como tratamento para o ebola, está entre os tratamentos experimentais mais observados de perto para a covid-19 e está sendo estudado em vários ensaios clínicos em todo o mundo. (Fonte: Dow Jones Newswires).

Maragojipe determina ‘toque de recolher’ como prevenção à Covid-19

Foto: Alberto Maraux /SSPBA

A prefeitura de Maragojipe, cidade no recôncavo da Bahia, determinou um “toque de recolher”, das 18h às 6h, como medida de prevenção ao coronavírus. O decreto foi publicado no Diário Oficial do Município (DOM), nesta quinta (30).

A medida começa a valer na sexta-feira (1º). O objetivo é fazer com que as pessoas fiquem em casa e, com isso, evitar aglomerações nas ruas. De acordo com o decreto, os moradores de sete ruas e avenidas da cidade ficam proibidos de sair de casa a partir das 18h. Só serão liberados da proibição aqueles que estiverem circulando para cessar ou prestar serviços na área de saúde, segurança, serviços públicos e serviços essenciais.

A Polícia Militar e a Guarda Municipal vão fiscalizar as ruas, e quem desobedecer será advertido. Em caso de reincidência, o cidadão pode ser indiciado por crime contra a saúde pública, com aplicação de multa.

A determinação prevê ainda que fica proibido o acesso de veículos transportadores de bebidas alcoólicas no município por tempo indeterminado. Até a noite desta quinta (30), cidade de Maragojipe já registrou cinco casos confirmados da Covid-19. (G1)

Prefeitura de Santo Antônio de Jesus flexibiliza funcionamento do comércio

Foto: Reprodução

A Prefeitura de Santo Antônio de Jesus, cidade a cerca de 190 km de Salvador, publicou na quinta-feira (30) novo decreto, que flexibiliza o funcionamento de diversos estabelecimentos comerciais. A medida foi publicada no Diário Oficial do Município (DOM).

De acordo com o decreto, a partir de segunda-feira (4), estabelecimentos como lojas, floriculturas e salões de beleza, têm autorização para abrir as portas com dias e horários definidos. É obrigatório, ainda, que os estabelecimentos tomem as medidas de prevenção ao novo coronavírus, como manutenção de distância mínima entre clientes e lojistas.

Por outro lado, lojas de conveniência, academias, lan houses, bares, restaurantes e clubes devem ficar fechados durante uma semana. O decreto ainda proíbe, até o dia 10 de maio, a circulação de veículos de transporte coletivo e mantém a suspensão das aulas nas redes municipal e privada da cidade até o dia 15 de maio.

De acordo com o último boletim divulgado pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), na noite desta sexta-feira (1º), a Bahia tem mais de 3100 casos confirmados de coronavírus e mais de 115 mortes. Santo Antônio de Jesus ainda não tem registros da Covid-19. (Confira a programação do comércio determinada pela prefeitura no G1)

Caixão é encontrado sem identificação em cemitério Quinta dos Lázaros

Foto: Reprodução/TV Bahia

Um caixão com um corpo sem identificação foi achado no Cemitério Quinta dos Lázaros, na Baixa de Quintas, em Salvador, na manhã desta sexta-feira (1°). Segundo floristas ouvidos pela TV Bahia, o caixão foi deixado durante a madrugada, dentro da capela do cemitério. O local é usado para velórios. Um dos comerciantes disse, assustado, que encontrou o caixão quando chegou para trabalhar e não viu o momento em que ele foi removido.

Procurado, o responsável pela funerária disse que tinha recebido a informação de que deveria levar o caixão para a Quinta dos Lázaros. No entanto, logo após foi informado que deveria fazer o transporte até Serrinha, na região sisaleira. O fato foi confirmado pela Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab). Conforme a pasta, por causa deste caso, só será permitido velórios no Cemitério Quinta dos Lázaros após as famílias apresentarem a guia de sepultamento dos corpos. O corpo é de uma pessoa que morreu em decorrência de um câncer, no Hospital Municipal de Salvador. O lacre foi feito porque havia suspeita de óbito pela covid-19.



WebtivaHOSTING // webtiva.com.br . Webdesign da Bahia