Vitória é goleado pelo América-MG, mas segue na terceira colocação da Série B

O Vitória perdeu para o América-MG por 4 a 0, nesta terça-feira (10), em duelo disputado no Independência, pela 35ª rodada da Série B. O time Rubro-negro jogou com um homem a menos em boa parte do confronto, já que Rhayner foi expulso na primeira etapa da partida.  Mesmo com o revés, o Leão permaneceu na terceira colocação do certame nacional com 60 pontos.
O próximo compromisso da equipe comandada pelo técnico Vagner é contra o Ceará, sábado (14), às 16h30 (horário de Salvador), no Barradão, em jogo válido pela 36ª rodada da Série B.

O JOGO

O Vitória entrou em campo em busca de triunfo fora de casa para se aproximar ainda mais do acesso.  O time Rubro-negro tomou a iniciativa da partida logo no primeiro minuto o lateral-esquerdo arriscou de longe, mas o goleiro João Ricardo estava atento e defendeu com tranquilidade.

O chute de longa distância foi a arma da equipe comandada por Vagner Mancini nos minutos iniciais. Aos três, Diego Renan, mais uma vez arriscou o arremate, e a bola passou com muito perigo na meta de João Ricardo.
O América-MG tentou responder aos cinco com Richarlison. Ele recebeu na entrada da área, deu um belo chapéu em Guilherme Mattis, tentou outro em Ramon, mas Mattis conseguiu recuperar a bola antes que o atacante chutasse ao gol.
América-MG abre o placar
Os donos da casa começaram a se soltar no jogo, principalmente em jogadas individuais do atacante Richarlison. E aos 15, o time mineiro abriu o placar no Independência. Marcelo Toscano recebeu na direita, passou por Ramon, e cruzou rasteiro na área do Leão. Diego Lorenzi se antecipou e mandou para o fundo do gol.
O Vitória tentou buscar o empate, principalmente em jogadas pelas pontas do campo. No entanto, a equipe tinha dificuldades para superar a forte marcação do Coelho, apesar de de ter maior posse de bola.
O jogo começou a ficar truncado, com faltas para ambos os lados. Aos 29, Vander cobrou escanteio na cabeça de Rhayner, mas ele finalizou mal e a bola foi para fora. Aos 32 foi a vez de Gatito aparecer. Toscano fez boa jogada pelo lado direito e cruzou para Richarlison. Ele antecipou bem e cabeceou no canto. O camisa 1 Rubro-negro se esticou todo e impediu o segundo gol do Coelho.
Rhayner é expulso e complica o Vitória
O que já era ruim para o Vitória, ficou pior. Aos 37 minutos, o atacante Rhayner foi expulso, após parar um contra-ataque do América-MG com um carrinho.
Mesmo com um homem a menos, o Leão na se abateu e tentou assumir o controle das ações ofensivas, mas a equipe pecava nos passes.
Toscano marca o segundo
Cauteloso, o América-MG não quis se expor e optou por jogar nos contra-ataques. E quando teve uma brecha, ampliou a vantagem. Aos 45, Marcelo Toscano recebeu lançamento de Xavier e mandou uma bomba na entrada da área, no ângulo de Gatito, sem chances de defesa.
Segundo tempo
Com um homem a menos, o técnico Vagner Mancini decidiu fazer uma alteração no intervalo. Ele sacou Pedro Ken e colocou Jorge Wagner, para tentar explorar a bola parada.
Aos cinco, em cobrança de falta, Jorge Wagner cruzou bem, na cabeça de Ramon, que subiu livre, mas mandou par afora.
Lance duvidoso
Mesmo com um homem a menos, o Vitória chegava com perigo nos minutos iniciais do segundo tempo. Aos oito, Diogo Mateus fez excelente jogada e lançou Diego Renan. O camisa 6 invadiu a área pela lateral e mandou por deixo das pernas do marcador e caiu dentro da área. Vuaden mandou o jogo seguir para desespero do técnico Vagner Mancini.
Vitória tenta, mas não consegue diminuir
O time Rubro-negro continuava tentando, mas falhava nas concretizações. A principal jogada era de bola parada, pelo pés de Jorge Wagner. Aos 21, o veterano mandou para a área, Mattis subiu mais que todo mundo, mas mandou para fora.
América marca dois e fecha o caixão Rubro-negro
O técnico Vagner Mancini decidiu tirar Amaral e colocar Pereira em campo aos 29. Com isso, a defesa Rubro-negra ficou mais exposta. O América-MG que pouco atacava, começou a chegar com perigo.
Aos 30, Pablo quase marcou, mas Guilherme Mattis tirou em cima da linha. No entanto, na sequência da jogada, Richarlison recebeu livre dentro da área, conseguiu o giro e bateu para o gol.
Dois minutos depois, outro gol. Pablo recebeu passe de calcanhar de Marcelo Toscano, entrou livre na área do Leão e bateu cruzado para a festa da torcida no Independência.

FICHA TÉCNICA

América-MG x Vitória
Série B – 35ª rodada
Local: Independência, Belo Horizonte (MG)
Data: 10/11/2015
Horário: 18h (horário da Bahia)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (Fifa-RS)
Auxiliares: Marcelo Bertanha Barison (RS) e Rafael da Silva Alves (RS-ASP.Fifa).
Cartões amarelos: Diogo Mateus, Rhayner, Ramon (Vitória).
Cartão vermelho: Rhayner (Vitória).
Gols: Diego Lorenzi, Marcelo Toscano, Richarlison e Pablo (América-MG).
América-MG: João Ricardo; Anderson Conceição, Alison e Wesley Matos; Walber, Leandro Guerreiro, Diego Lorenzi, Marcelo Toscano e Xavier; Pablo (Felipe Amorim) e Richarlison (Bruno Sávio): Técnico: Givanildo de Oliveira.
Vitória: Júnior Gatito; Diogo Mateus, Guilherme Mattis, Ramon e Diego Renan; Amara (Pereira), Flávio, Pedro Ken (Jorge Wagner) e Rhayner; Vander e Rafaelson (Elton).Técnico: Vagner Mancini. Fonte: Cul.Esporte/Bahia Notícias
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *