Seca leva Feira de Santana a decretar situação de emergência em oito distritos

As condições climáticas levaram a Prefeitura de Feira de Santana, a cerca de 110 km de Salvador, a decretar situação de emergência em oito distritos atingidos pela estiagem.

A decisão, que teve como base parecer elaborado pela Coordenação Municipal de Proteção e Defesa Civil, deve viabilizar a obtenção de recursos na área federal para minimizar as perdas do setor agrícola.

Segundo a prefeitura, os efeitos da longa estiagem interferem diretamente nas condições de vida de mais de 40 mil feirenses que moram na zona rural.

Um dos procedimentos a serem adotados é o abastecimento com água potável dos 1.823 tanques comunitários localizados nas comunidades dos distritos, usando carros-pipa. Além de atender a demanda, o abastecimento evita danos estruturais aos tanques, caso fiquem vazios por um período prolongado.

Todos os órgãos municipais serão mobilizados, ainda segundo a prefeitura, para atuar nas ações de resposta às condições climáticas desfavoráveis, bem como na reabilitação do cenário, sob a orientação da Coordenação Municipal de Proteção e Defesa Civil. (R7/Bahia)

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *