Bahia atropela o Vitória da Conquista na Arena Fonte Nova por 6 a 1

Após um ano de 2017 para ser esquecido e um início de 2018 sem passar confiança, Hernane ressurgiu no Bahia. O atacante fez jus ao apelido de ‘Brocador’ e foi o destaque da goleada de 6 a 1 sobre o Vitória da Conquista, nesta quarta-feira (7).

O JOGO

Aos seis minutos de jogo, Vinicius cobrou a falta levantando a bola na grande. Lucas Fonseca desviou e ela sobrou limpa para Kayke, próximo da linha da pequena área. Na hora de fuzilar o goleiro Leandro e correr para o abraço, o atacante furou e a bola acabou batendo no pé dele saindo pela linha de fundo.

O Vitória da Conquista conseguiu dar um chute aos 15 minutos. Porém, o ataque não levou perigo. Naôh carregou a bola pelo meio, mas antes da meia-lua arriscou um fraco chute e o goleiro Anderson não teve nenhuma dificuldade para agarrá-la.

O jogo seguia sem emoções. O Bahia produzindo alguma coisa somente nas cobranças de bolas paradas. Já o Vitória da Conquista, com uma formação mais defensiva, mostrava que veio apenas de olho no ponto que é dado no empate. Aos 20, Élber fez uma graça ao tropeçar no campo e chutar a bola para a linha de fundo.

Zé Rafael recebeu de Nino Paraíba na quina da grande área, girou e cruzou rasteiro para o meio da pequena área aos 24. Mas Kayke chegou atrasado, de carrinho, mas a bola passou na frente gol e saiu pela linha de fundo. Quatro minutos depois, Nino fez o cruzamento por baixo, a defesa do Bode cortou parcialmente. Kayke ficou com a sobra, mas finalizou para fora.

Cinco minutos antes de expirar o tempo regulamentar, Vinicius experimentou de fora de área. No entanto, o chute não levou perigo algum a Leandro, passando no lado esquerdo da meta do arqueiro da equipe conquistense.

No último minuto antes do árbitro encerrar o primeiro tempo, o Bahia quase chegou ao gol. Mena cobrou escanteio e Leandro saiu de soco. Élber pegou a sobra, mas não conseguiu o domínio e Vinícius ficou com ela. O meia girou e bateu rasteiro para defesa do goleiro do Bode, que desviou para fora.

Segundo tempo

O Bahia voltou para a etapa complementar com Hernane no lugar de Kayke. O Vitória da Conquista retornou com a mesma formação do primeiro tempo. Logo com um minuto, Edigar Junio tentou penetrar na área e sofreu falta próximo da entrada da grande área. Zé Rafael bateu com maestria e colocou a bola onde a coruja dorme para inaugurar o placar, 1 a 0 para o Esquadrão de Aço.

Mais vibrante no segundo tempo. O Bahia chegou ao segundo gol aos oito minutos. Zé Rafael roubou a bola no meio de campo, carregou e abriu na esquerda com Mena. O lateral chileno viu Hernane acompanhando a jogada e entrou para o centroavante depois da marca do pênalti. O Brocador só teve o trabalho de empurrar para o fundo do gol e chorar na comemoração. Foi o primeiro tento dele na temporada.

E o Brocador mostrou que voltou. Foi dele o terceiro gol do Esquadrão de Aço no jogo. Aos 17 minutos, Gregore roubou a bola do Caça-Rato e puxou contra-ataque. Ele entregou para Edigar Junio, que devolveu na passagem do volante. Gregore foi à linha de fundo e cruzou. Leandro fez o corte parcial, mas Hernane estava no lugar certo e na hora certa para, novamente, empurrar para as redes e correr para o abraço.

Com dois gols na conta, Hernane fez um belo passe para Régis. De cara pra Leandro, o meia tocou tirando do goleiro, mas a bola caprichosamente resvalou na trave antes de ir pra fora, aos 29. No minuto seguinte, o Brocador pediu música. Vinícius recebeu pela direita e fez o arco. Hernane se jogou na bola para fazer o quarto gol do Bahia e o terceiro dele.

Três minutos depois, Flávio Caça-Rato descontou para os visitantes. Ele recebeu bom passe, driblou o goleiro Anderson e tocou para balançar as redes.

O quinto gol do Bahia veio com Régis no minuto 33. Ele recebeu passe na entrada da grande área e invadiu. Antes da marca da cal, o meia chutou rasteiro e o goleiro Leandro não conseguiu evitar.

Aos 40, Hernane tabelou com Vinicius. E o meia acertou um belo chute colocado, de fora da área, no canto esquerdo do goleiro.

FICHA TÉCNICA
Bahia x Vitória da Conquista
Campeonato Baiano – 5ª rodada
Local
: Arena Fonte Nova, em Salvador
Data: 07/02/2018
Horário: 18h30 (de Salvador)
Árbitro: Ricarle Gustavo Gonçalves Batista
Assistentes: Alessandro Rocha de Matos e Luanderson Lima dos Santos

Cartão amarelo: Jeff Silva, Gabriel Soares (Vitória da Conquista)

Gol: Zé Rafael, Hernane, três vezes, Régis e Vinicius (Bahia) / Flávio Caça-Rato (Vitória da Conquista)
Bahia: Anderson; Nino Paraíba, Lucas Fonseca, Tiago e Mena (Léo); Gregore; Vinícius, Élber, Zé Rafael e Edigar Junio (Régis); Kayke (Hernane). Técnico: Guto Ferreira

Vitória da Conquista: Leandro; Roni, Sílvio, Lúcio e Jeff Silva; Edson Magal, Edimar e Gabriel Soares; Sillas, Tatu (Beleu) e Naôh (Flávio Caça-Rato). Técnico: Guilhermino Lima.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *